Maio Solidário: SINPAF inicia doações de alimentos para pessoas que precisam de solidariedade

Maio Solidário: SINPAF inicia doações de alimentos para pessoas que precisam de solidariedade

Após o lançamento da Campanha Maio Solidário pela Diretoria Nacional do SINPAF, as Seções Sindicais da base já iniciaram as doações para ajudar as famílias que estão em vulnerabilidade social.


Após o lançamento da Campanha Maio Solidário pela Diretoria Nacional do SINPAF, as Seções Sindicais da base já iniciaram as doações para ajudar as famílias que estão em vulnerabilidade social.

No estado de São Paulo, a Seção Sindical Campinas e Jaguariúna (SSCJ) fez a doação de 100 cestas básicas de alimentos, para o acampamento Marielle Vive! (em Valinhos), para a comunidade Menino Chorão e para a Associação Comuna Urbana Joana D´Arc (ambas em Campinas). A ação contou com o apoio da Subsede da CUT Campinas para realizar as entregas nas instituições.

“Essa é a segunda ação de doação de alimentos realizada pela SSCJ desde o início da pandemia da covid-19. As cestas adquiridas pela Seção Sindical são do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), da mesma forma como ocorreu no ano passado”, explicou o presidente da Seção, Mário Urchei.

Em Sobral, no Ceará, a Seção Sindical Caprinos também amenizou a dor e a fome de famílias em situação de vulnerabilidade social. De acordo com a presidenta da Seção, Alexandra Wickboldt, o SINPAF consultou agentes de saúde da comunidade, os quais indicaram nove famílias que estavam precisando das doações. Essas famílias receberam 234kg de alimentos.

“As doações foram oriundas da aquisição de alimentos pelo Sindicato e colaboração de Diretores da Seção Sindical Caprinos. Aderimos à campanha Maio Solidário, organizada pelo SINPAF Nacional, com intuito de lembrar que 1º de maio é um dia de união e luta da classe trabalhadora em todo o mundo. O momento que estamos enfrentando é urgente e indispensável realizarmos ações que amenizem o sofrimento de tantas pessoas”, disse Alexandra.

No Norte e no Nordeste do país, as Seções Sindicais Pará e Penedo, respectivamente, disponibilizaram contas correntes do SINPAF para arrecadação de fundos. O objetivo é utilizar toda essa verba para comprar e distribuir cestas básicas nas comunidades carentes de suas localidades.

“A Seção Sindical Pará, com o apoio da gestão da Embrapa Amazônia Oriental, pretende distribuir no mínimo 100 cestas para famílias previamente cadastradas pelos centros comunitários dos bairros da Terra Firme e Curió Utinga. A entrega dos alimentos está programada para o dia 14/05 (sexta-feira) e, para isso, contamos com a contribuição de todas as trabalhadoras e trabalhadores da nossa unidade”, explicou o presidente da Seção, Elanderson Lima.

O presidente da Seção Sindical Penedo, Pedro Melo, também pediu o apoio da categoria para aquisição de cestas básicas. O mesmo valor doado pelas trabalhadoras e trabalhadores será doado pelo SINPAF.

“A nossa Seção tem orgulho de fazer parte da campanha Maio Solidário, com o objetivo de ajudar famílias de baixa renda aqui no nosso município”, disse.

FORTALEÇA A CAMPANHA - Márcia Rocha Coelho, diretora de Políticas Sociais e Cidadania do SINPAF, reforçou o convite a todas as Seções Sindicais e trabalhadores e trabalhadoras para participarem dessa mobilização.

“Nesta época de pandemia, e contra a falta de políticas públicas que atendam à população mais necessitada, o SINPAF e seus filiados e filiadas precisam agir para ajudar famílias que passam por essa situação calamitosa. Participem da nossa Campanha Maio Solidário ”, enfatizou Márcia.

A diretora suplente da pasta, Orlane Maia, também chamou a atenção para, além dessa precária situação pandêmica, o momento é muito delicado. “Esse quadro de incertezas tem deixado as famílias ainda mais apreensivas, sem qualquer perspectiva para garantir o sustento diário, a comida no prato. Procure sua Seção Sindical e veja como você pode ajudar”, solicitou.

Receba notícias direto em seu e-mail:
assine nosso informativo

Fale conosco